Resenha: Claro que te amo! - Tammy Luciano

ISBN-10: 8581633080
Ano: 2013
Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Editora Nova Conceito
Selo: Novas Páginas
Pontuação: ♥ ♥ ♥ ♥
  

SINOPSE: Piera tem certeza: está cometendo a maior loucura da sua vida ao assistir, escondida, ao casamento de seu ex-noivo. Depois de seis anos de relacionamento, entrar de penetra na comemoração foi tudo que André deixou para ela. E olhar a cena não a faz feliz, mas encerra uma fase de sua vida. Hora de recomeçar.

Mas como recomeçar se seu coração está cheio de dor? Envolver-se com a história de Piera é como descobrir que sempre há um lado muito bom a ser revelado... Mesmo que tudo pareça tão difícil.

O livro narra a história de Pietra, uma jovem de 19 anos, que foi abandonada por sua mãe ainda bebê que a deixou aos cuidados de seu pai, um homem generoso, por quem ela nutre total admiração.

Seu drama gira em torno de superar o rompimento de seu namoro de seis anos com André que terminou a relação através de um bilhete: “Descobri que não te amo mais”. Um ano após a separação, Pietra se vê em frente a Igreja assistindo André se unir a outra mulher com o único objetivo de se libertar de vez do passado e seguir em frente.

Por mais que o relacionamento entre os dois não estivesse indo muito bem, o rompimento acaba por provocar mudanças dolorosas na vida de Pietra que ver seu sonho em se casar com André ser destruído, juntamente com o reaparecimento de sua mãe Cecília que abandonou ela e seu pai, passando anos sem dar nenhuma notícia. Em meio ao drama de tentar esquecer André e perdoar sua mãe, e consequentemente, os segredos revelados com sua chegada, o destino se encarrega de colocar na vida de Pietra o doutor Marcelo, o jovem médico psiquiatra responsável pelos cuidados de Cecília.

Marcelo é um homem lindo, educado, prestativo e carinhoso, que ajuda Pietra a rever como era sua vida ao lado de André e a questionar seu relacionamento com a mãe. Confesso que algumas atitudes de Pietra com Marcelo me irritaram, mas relevei, afinal, ela é apenas uma adolescente que ainda está amadurecendo e ainda passando por momentos turbulentos. Sem falar que ela só tem como experiência o namoro com André, um cara a quem ela se doou totalmente na relação e que não foi correspondida na mesma intensidade.

A história é narrada em primeira pessoa, sob o ponto de vista de Pietra. A leitura é suave, rápida e muito agradável o que te faz ficar grudada no livro. 

Gostei como a autora abordou a relação entre pai e filha, pois Pietra tem uma relação muito linda, respeitosa e de muita cumplicidade com o pai. Um homem que abdica de muitas coisas em sua vida para cuidar da filha que é ainda bebê.

Os personagens secundários também marcaram a narrativa, principalmente as amigas Drê, Denise e Renata que sempre estiveram ao lado de Pietra como verdadeiras amigas devem ser. 

O final foi muito lindo e emocionante. Uma obra surpreendente!

2.Submarino
3.Estante Virtual


Autor (a) da resenha: Caroline Oliveira

0 comentários :

Postar um comentário