The Fosters

Criador (es):
Peter Paige
Bradley Bredeweg
Duração: 60 minutos
Temporadas: 3 (atualmente)
Início: 2013
País: Estados Unidos
Gênero: Drama, Familiar

Sinopse: The Fosters teve seu projeto divulgado em agosto de 2012. Desenvolvida por Jennifer Lopez, a série foi criada por Bradley Bredweg e Peter Paige.
A história narra a vida de uma família formada por duas mães, Stef (Teri Polo, de Man Up) e Lena (Sherri Saum, de Rescue Me), que sustentam filhos biológicos e adotados, sendo que estes representam diferentes etnias. Stef é uma policial que foi casada com seu colega Mike (Danny Nucci, de The Booth at the End), com quem teve um filho, Brandon (David Lambert, de Aaron Stone). Agora divorciada, ela vive com Lena, a vice-diretora de uma escola. 
Quando Lena conhece Callie (Maia Mitchell), uma adolescente problemática, ela decide acolher a menina, levando-a para viver com sua já numerosa família. Enquanto a presença de Callie provoca problemas de relacionamentos, a jovem preocupa-se unicamente em resgatar seu irmão de treze anos (Hayden Byerly) que vive em um lar adotivo onde sofre maus tratos. 
No elenco também estão Jake T. Austin (Os Feiticeiros de Waverly Place) e Cierra Ramirez (The Secret Life of the American Teenager), como Jesus e Mariana Foster, irmãos gêmeos adotados por Stef e Lena.


The Fosters é a nova série dramática da ABC Family que atualmente mudou seu nome para Freeform, que trata sobre assuntos bem polêmicos.

Produzida pela cantora, dançarina e atriz, Jennifer Lopez, a série The Fosters mostra os desafios e alegrias de uma família composta por duas mães que criam filhos adotivos junto com um filho biológico.

O casal vê sua família, que já é grande, virar de cabeça para baixo quando adotam mais uma garota difícil de lidar. Uma das mães é uma policial e a outra é uma professora de escola particular. Elas têm um filho biológico e já tem adotados um casal de adolescentes gêmeos.

The Fosters foi uma estréia bem interessante, pois gosto de dramas exatamente pelo fato dos mesmos sempre falarem sobre algum assunto importante a ser abordado e um tanto polêmico, e The Foster chegou trazendo todos esses elementos.

A série gira em torno do casal lésbico Stef ( Teri Polo) e Lena ( Sherri Saum), que tem 03 filhos: Brandon (David Lambert), filho biológico de Stef e Mike ( Danny Nucci ), e os gêmeos Jesus (Jake T. Austin) e Mariana (Cierra Ramirez), adotados pelo casal. A vida da família muda quando Lena trás para casa Callie (Maia Mitchell), uma menina complicada que acabou de sair do reformatório.

Geralmente, quando vemos que a série é da Freeform, já imaginamos que a série será bem leve, mas não é essa a proposta. The Fosters não deixa muito espaço para humor e pula direto para um drama muito envolvente com seus problemas únicos e muito interessantes.

A referência no nome da série foi muito bem pensada, na minha opinião. A família protagonista tem o sobrenome Foster, mas Foster em inglês é a pessoa ou família que abriga órfãos.

Antes de assistir a série escutei e li alguns comentários em que de muita gente criticando o fato do casal ser lésbico e, sinceramente, não consigo entender essa crítica. Não vejo nenhum problema em uma família cotidiana com 2 mães, ou com 2 pais e filhos, visto que atualmente existe vários seriados que mostram abertamente o relacionamento de casais homoafetivos.

Tirando essa crítica sem sentido, o seriado está sendo muito bem aceito e acredito que terá sucesso se continuar com a mesma qualidade. No momento, a série se encontra na sua terceira temporada e está caminhando muito bem. Recomendo que assistam a essa série tocante e muito comovente. Não tem como você não torcer por essa família e principalmente pela Callie e seu irmão mais novo Jude. Para quem ainda não assistiu a essa série aconselho que assistam ao piloto, tenho certeza que vocês vão adorar.

Autor (a) da resenha: Luan Henrique de Almeida

0 comentários :

Postar um comentário