Resenha: Defesa Pessoal - Lori Foster & Plano Ousado - Carole Mortimer

 DEFESA PESSOAL – Lori Foster

Título: Defesa Pessoal
Título Original: Riley
Autora: Lori Foster
Ano: 2003
Nº de Páginas: 256
Coleção: Primeiros Sucessos nº 54
Editora: Harlequin Brasil
Pontuação:  ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
() Favoritado!


Sinopse: Sem saber a jornalista Regina Foxworth entrou em uma roubada. Agora, sua vida corre perigo, mas seus pedidos de ajuda foram ignorados por todos – inclusive pela polícia da pacata cidade de Chester, Ohio. A única pessoa que acreditou nela foi Riley Moore, ex-agente e instrutor de defesa pessoal. Ao ver a fragilidade de Regina, ele assume a missão de ensiná-la técnicas de defesa avançadas. Mais durante as aulas particulares, torna-se impossível para Regina se concentrar nos golpes. Especialmente quando Riley a prende ao tatame.

A jornalista, Regina, decide aprender a se defender depois de alguns atentados contra sua vida, que tem ocorrido com certa frequência – o suficiente para que ela desconfie que algo está errado –, mesmo que a polícia diga o contrário. Quando vai à academia de Riley Moore, não esperava que, além de aprender a se defender fisicamente, também teria que saber lidar com a atração que sente por Riley, seu instrutor.

“ – Preciso saber me defender. ”

Além de ajudar Red (Regina) nas aulas de defesa pessoal, Riley percebe que de fato há algo realmente errado e suspeito por trás desses atentados que ela anda sofrendo. As outras pessoas, e até mesmo a polícia, disseram que esses eventos são só uma série de coincidências ruins, mas Riley, um ex-agente da SWAT, decide investigar essa história a fundo. Aliás, é evidente logo no início da leitura que Riley está bastante atraído e tendo pensamentos picantes com Red.

“ – Mas do que tudo... – murmurou ele – gostaria de leva-la para esse quarto, agora mesmo, despi-la e fazer amor com você a noite toda. ”

Riley é um homem possessivo, lindo e cuidadoso, enquanto a mocinha gosta de ver o lado bom das pessoas e quer ir devagar nesse relacionamento com o gostosão, o que fica complicado quando ela vai – por motivos de necessidade, por assim dizer – ‘morar’ na casa dele, levando as malas e o seu cachorro, Butch, um chihuahua bastante temperamental.

“ – Não – Riley franziu o cenho. – Por favor, não me diga que essa é sua ideia de um cão de guarda.”

Vale ressaltar que, os dois personagens têm um passado difícil e revelador, o que deixa os leitores curiosos, loucos pelo que virá a seguir na próxima página. 

O livro tem uma história envolvente e fácil de ler. Sabe aquela leitura rápida, mas super gostosa? Pois é. Com um leve suspense, cenas picantes e desfecho bastante interessante, o livro está mais que recomendado!




Resenha de Natália Falcão (Colaboradora)



PLANO OUSADO – Carole Mortimer

Título: Plano Ousado
Título Original: D' Angelo like no other
Autora: Carole Mortimer
Ano: 2014 
Nº de Páginas: 183
Coleção: Paixão Nº 385
Editora: Harlequin Brasil
Pontuação:  ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
() Favoritado!

Sinopse: O sucesso das galerias Archangel não seria o mesmo sem a presença de Michael, mas ele não é perfeito em tudo… Além disso, nunca foi um anjo! Contudo, quando uma mulher deslumbrante aparece em Paris acusando-o de ser pai de gêmeos, ele não pode ser responsabilizado pelo mal-entendido. Eva Foster não desistirá até que as crianças sob sua responsabilidade encontrem o pai. Ela perseguirá seu objetivo, ainda que seja preciso estabelecer regras para se proteger da intensa atração entre ela e Michael!


Com seus dois irmãos casados e cada um assumindo uma das galerias da família, sendo uma em Londres e a outra em Nova York, Michael D’Angelo, o mais velho e sério dos irmãos, fica responsável pela galeria de Paris. Em um dia, para sua surpresa, Eva, uma baixinha linda e esquentada, invade sua galeria, o acusando de ser pai dos sobrinhos dela, um casal de gêmeos, filhos de sua falecida irmã.

“ – Descobri que o melhor é não pensar muito para lidar com Sophie e Sam, especialmente agora que os dentes deles estão nascendo – assegurou a mulher secamente. – Talvez queira colocar isto no ombro para proteger a roupa.”

Pela data de concepção dos bebês, Michael percebe que nunca poderia ser pai das crianças, mas o pai poderia ser Rafe, que tinha acabado de casar com Nina. Michael resolve levar Eva e as crianças para seu apartamento. Ele faz isso pensando em esperar Rafe voltar de lua de mel e resolver essa situação, buscando a melhor forma de evitar um escândalo, além disso, Eva mexeu muito com ele.

“ Michael continua fitando-a demoradamente, sentindo-se um tanto hipnotizado por seu sorriso, Os olhos violeta cintilavam, as faces estavam coradas, os lábios um tanto entreabertos, revelando dentes perfeitos. Eva, de fato, uma mulher linda, em especial quando não estava zangada. ”

No decorrer da história, a leitura fica bastante divertida, pois vemos a interação do sério Michael com os bebês e a forma como Eva revela ser uma tia protetora e carinhosa, além de uma mulher forte e talentosa.

A mocinha não é chatinha nem cheia de ‘mimimi’, tem uma história de vida complicada e, ainda por cima, se sente atraída pelo suposto tio de seus sobrinhos.

Uma leitura cativante, com um misto de drama, amor e fofura (os bebês são a parte fofa do livro). Com um desfecho inesperado e muito emocionante, o livro está mais do que recomendado!

1. Saraiva


Resenha de  Natália Falcão (Colaboradora)

2 comentários :

  1. Oi Carol e Natália!

    Não li nenhum dos dois livros, mas gosto muito das duas autoras, não resisto a um romance harlequin jamais!

    Adorei as dicas!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Os dois são ótimos,mas devo dizer que Defesa Pessoal é meu favorito ahaha

    ResponderExcluir