Resenha: Tudo e Todas as Coisas - Nicola Yoon

Título: Tudo e Todas as Coisas
Autor (a): Nicola Yoon
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance/Young Adult
Nº de Páginas: 280
Edição: 2017

Sinopse: Tudo envolve riscos. Não fazer nada também é arriscado. A decisão é sua.
A doença que eu tenho é rara e famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Não saio de casa. Não saí uma vez sequer em 17 anos. As únicas pessoas que eu vejo são ­minha mãe e minha enfermeira, Carla.
Então, um dia, um caminhão de mudança para na frente ­da ­casa ao lado. Eu olho pela janela e o vejo. Ele é alto, magro e está todo de preto: blusa, calça jeans, tênis e um gorro que cobre o cabelo. Ele percebe que eu estou olhando e me encara. Seu nome é Olly.
Talvez não seja possível prever tudo, mas algumas coisas, sim. Por exemplo, vou me apaixonar por Olly. Isso é certo. E­ é quase certo que isso vai provocar uma catástrofe.

A nossa protagonista, Madeline, foi diagnosticada com IDCG (Imunodeficiência combinada grave), uma doença rara que torna a pessoa altamente vulnerável e por essa razão Maddy nunca saiu de casa. Poucas pessoas sabem de sua existência e para que elas possam vê-la, deve passar por um processo rigoroso de descontaminação quando entram em sua casa. A garota de descendência japonesa/afro americana, mora com sua mãe médica e a atenciosa enfermeira Carla, que cuida dela durante o tempo em que Maddy fica sozinha. E mesmo com toda essa situação, a jovem se encontra contente com sua vida de livros, jogos entre mãe e filha, jantares especiais na sexta e filmes. 

"Às vezes você faz as coisas pelos motivos certos e em outras pelos errados. Há ainda aquelas vezes em que é impossível saber a diferença."

Esta é a única vida que Maddy conhece. Quando um caminhão de mudanças estaciona na casa ao lado, ela não pensa duas vezes e olha pela janela, é neste momento que Madeline Whittier se depara com Olly, o novo vizinho que ela apelidou de anjo da morte. Ele usa apenas roupas pretas. Depois de dias observando o garoto misterioso através da janela, eles finalmente tem o primeiro contato utilizando o chat, e pela primeira vez, Madeline desejou mais do que ela pode ter.

"Eu era feliz antes de conhecê-lo. Mas agora estou viva. São coisas diferentes."

Em Tudo e todas as coisas, Nicola Yoon trabalhou sua escrita de um jeito charmoso e bastante engraçado. Gostei de como o livro foi desenvolvido, utilizando-se de elementos que apresenta uma revista artística e com diagramas, do dicionário (versão Maddy) e entre outras coisas, o que faz o leitor querer continuar virando as páginas para mais surpresas e ilustrações. Os capítulos são bastante curtos, mas não são escritos de forma superficial. A leitura flui com rapidez e mesmo assim você consegue sentir todas as emoções dos personagens. Durante o livro inteiro minha mente não parava de refletir sobre como era viver dentro de casa por 18 anos.

Maddy realmente me surpreendeu, para alguém que vive literalmente e metaforicamente em uma bolha toda a sua vida, ela é tão esperta e com um humor. Enquanto, Olly é simplesmente maravilhoso. Sua necessidade de proteger Maddy comoveu meu coração, especialmente quando você descobre mais sobre sua história e o motivo de ele ser tão protetor.

"O amor torna as pessoas loucas."


Enfim, um Young Adult divertidíssimo e fofo para você lê em apenas um dia. Com uma escrita fabulosa e personagens incríveis que conquistam seu coração logo nas primeiras páginas. Recomendo a leitura e estou muito ansioso para assistir a adaptação cinematográfica, espero que esteja bem fiel a essa apaixonante obra.

"Tudo é um risco. Não fazer nada é um risco. A decisão é sua."




2 comentários :

  1. Tenho ele é sempre fiquei curiosa. Adorei sua resenha, deu vontade de largar tudo e pegar este livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi My, é uma leitura super rápida. Tenho certeza que você irá gostar, beijos!

      Excluir