Resenha: Caçadora de Estrelas - Raiza Varella

Título: Caçadora de Estrelas
Autor (a): Raiza Varella
Editora: *Publicação independente
Edição: 2016

Nº de páginas: 544
*Resenha feita pela colaboradora: Renata Thomaz.


Sinopse: Após flagrar o seu atual namorado com outro cara - não, você não leu errado - e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar - como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada.
Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato - a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta. O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?


“Não é uma simples estrela ou uma estrela qualquer, não senhor! A MINHA ESTRELA. Uma que brilhasse somente para mim e iluminasse completamente a escuridão que me ronda.”


Desde de pequena, Eva, uma menina feliz e cheia de sonhos, acreditou nas palavras de sua mãe e,  a partir de uma história contada por ela, passou seus dias a procura de uma estrela que fizesse sua vida ter luz e amor.

Essa é a história de uma mulher e de um homem que descobriram que, uma amizade pode sim se transformar em um grande amor e que pode também superar qualquer coisa que o destino impuser.

“Eu não dei tchau para ninguém, nem até logo, não fiquei para escutar novamente que eu estava cometendo o maior erro da minha vida. Fui sonhadora e fraca e dei de cara com o chão.”

Sempre seguindo seu coração, a procura de sua estrela, Eva embarca em uma nova aventura em outro país, onde não conhece ninguém a não ser seu acompanhante. Só que, um belo dia, a casa cai e sua vida a partir desse momento vira de pernas para o ar.

Por vezes, essa menina no corpo de mulher, se agarra a uma vontade que apenas a adolescência nos faz ter coragem, entretanto, já senhora dos seus atos, por ser filha única, suas vontades continuam mesmo sendo adulta. Entretanto, ao retornar para casa depois de diversas descobertas de seu acompanhante, ela se surpreende ao descobrir que muita coisa mudou enquanto esteve fora.

“É um pesadelo, apenas um pesadelo e daqui a pouco irei acordar e rir, porque é mesmo uma ideia bem insana imaginar que meu pai ...”

Família, amigos e, principalmente, seu melhor amigo, todos mudaram com ela e isso a faz repensar seus critérios e modo de vida. Mas, também, o sentimento de perda do centro das atenções e enxergar que não é importante como achava que seria, que tudo seria igual a antes, faz com que ela tente se adequar aos novos gostos de seus entes queridos.

Ele é um rapaz apaixonado desde a infância pela mesma garota, mas a amizade é importante demais para ser destruída com romance. Então, é preferível continuar a amizade do que estragar qualquer coisa. Gabriel, um rapaz que desde cedo conheceu a dor da perda por separação e morte, feridas que só foram sanadas por força da amizade e carinho dos que conheceram sua história. 

“Existiu apenas uma garota e com essa eu não me lembro de ter tido problema para me acostumar porque parece que dentro de mim sempre foi o seu lugar. "

“... Está tudo bem em não ser, porque aquela garota problema é passado e essa intimidade da qual eu anseio não deveria se comparada por ser fruto de um enlace diferente, sendo firmada por muitos e longos ... anos de uma amizade...”

Apaixonado pela vida, Gabriel decide seguir em frente após a decisão de Eva em ir para outro lugar com a ilusão de encontrar sua estrela. Sua nova conquista esta fazendo maravilhas, mas não substitui aquela que tem desde a infância o seu coração, mesmo que não tenha falado, muitas coisas só quem ama é capaz de fazer e passar por uma pessoa.

“BENJAMIN QUEBROU MINHA GAROTA. Então não, eu não estou feliz por rever meu melhor amigo. Não estou feliz por Eva estar sorrindo para ele, muito menos por ter se jogado em seus braços antes de ter lhe dado um tapa na cara.”

Ele, apesar do abandono, ainda quer proteger sua garota, seu bem maior, mesmo que Eva não enxergue a realidade.

Com o passar do tempo de seu retorno ao Brasil, Eva, após as descobertas de sua família, começa enxergar sua Estrela muito próxima e nasce, então, uma paixão avassaladora. Mas, novamente, o destino mostra outras situações que esses dois terão de superar e é nessa hora que os dois compreendem tudo.

Escrito de uma forma intensa, esse romance nos leva da alegria ao sentimento profundo de perda da mesma forma em toda sua sequência. Por várias vezes me peguei sorrindo e lembrando trechos que me fizeram rir e chorar.

Uma história que mostra a sensibilidade de um casal e a luta pela vida, pelo amor e cumplicidade, de uma maneira que faz você enxergar o amor pela eternidade, como o brilho de uma estrela.

Raiza Varella, nos traz uma saborosa leitura que prende nossa atenção para pequenos detalhes como amizade, centro das atenções, família, amor, medo, incertezas e tragédias que devem ser superadas como um degrau que a gente só vence se abrir o coração para curar as feridas.

1. Amazon 


3 comentários :