Resenha: Chefe Secreto - Valentina K. Michael

Título: Chefe Secreto
Autora: Valentina K. Michael
Edição: 2017
Nº de Páginas: 763
Editora: *publicação independente


Sinopse:  A Orfeu impera no Brasil como empresa de aquisições e investimentos. É dirigida de forma impar por três irmãos de origem espanhola; têm personalidades distintas, mas iguais em dois pontos: são obstinados e amam intensamente.
Angelina tentou até o ultimo momento segurar a empresa da sua família. Mas após uma crise irreparável, ela vê tudo se ruir aos seus pés. A empresa agora pertence a um novo dono. Alguém que exige, em contrato, que ela continue sendo diretora. Alguém que ela não sabe quem é. Um chefe anônimo que a faz seguir ordens bizarras.
Angelina sabe que está numa enrascada e o pior é que ela não sabe nem o nome de quem está provocando tudo isso.


ATENÇÃO: este livro pertence a uma série. É necessário ler o primeiro livro, Admirador Secreto.
*** Este contém cenas de sexo e linguagem de cunho adulto.

Lorenzo é um homem atormentado por seu passado, por tudo que passou em durante a sua infância por aqueles que deveriam tê-lo amado acima de tudo. Ele só tem seus irmãos, Romeo e Magno, que o amam incondicionalmente, assim como ele os ama. Mas nem mesmo esse amor fraternal irá impedir Lorenzo de agir, de acertar suas contas com o passado, principalmente com ela, a mulher que ele amou, a quem ele abaixou sua guarda apenas para ser nocauteado da pior forma possível. 

Angelina é filha única, criada com muito amor e esmero, e que desde muito pequena ama tudo relacionado a moda. Ela nunca tinha se arriscado muito na vida, sempre foi certinha, fazia tudo que se esperava dela. Mas, em uma noite, ela joga tudo isso para o alto e faz tudo aquilo que ninguém esperava que ela fizesse. E essa loucura faz com que ela conheça um homem lindo que está em um ringue lutando, mas que ela consegue sentir sua força da platéia. 


No entanto, o que começa como uma linda história entre a dama e o vagabundo, acaba se transforma em uma tragédia grega das grandes.


"Preciso odiá-la, preciso me manter imune. Mas, quando ela olha para mim, meio assustada e curiosa, eu sinto meu coração bater na garganta."

Quem leu Admirador Secreto deve ter tido uma prévia do que irá ocorrer em Chefe Secreto. Lorenzo tem um passado com Angelina, mulher a qual ele transformou sua missão de vida destruir e fazê-la pagar por tudo que ela lhe tirou.


Angelina não sabe mais o que fazer para tentar recuperar a Mademoiselle, empresa que faz parte de sua família há anos. Mas, mesmo tentando de tudo para salvar a empresa da família, ela acaba caindo nas mãos de outra pessoa, um sócio oculto, que começa fazer algumas exigências que quase levarão Angelina a loucura.


A obra é narrada em primeira pessoa, sob o ponto de vista tanto de Angelina quanto de Lorenzo, dando ao leitor uma visão ampla da história e o que de fato aconteceu no passado dos personagens principais da trama que o levaram a seguir caminhos diferentes.



"E  de todas, apenas uma teve o privilégio de estar na minha cama de verdade, no meu quarto de verdade, no meu apartamento. E Angelina não precisa saber que foi a única a deitar."

Esse foi mais um livro da Valentina K. Michael ao qual ela trouxe um tema bem reflexivo e que, com certeza, deve fazer ou mesmo já fez parte da vida de alguém, principalmente de uma criança. Não quero me estender nessa parte, pois acho importante o leitor descobrir por si mesmo. Mas, adianto, a autora foi precisa ao mostrar como a violência contra uma criança pode afetar o seu desenvolvimento, acarretar traumas, muitas vezes irreparáveis.


Outro ponto positivo, foi a abordagem da dislexia. É bem raro ver obras tratando sobre esse assunto e é algo que muitas crianças e adultos têm e muitos sofrem muitos, principalmente pelo fato de muitas pessoas desconhecerem e começarem a empregar palavras depreciativas para os portadores dessa doença.


Lorenzo é um homem marcado pela dor que, no momento em que ele achou que tudo poderia ser diferente em sua vida, levou uma rasteira e voltou a estaca zero. E ele é determinado, ama seus irmãos, mas que precisa acertar suas contas definitivamente com o passado para seguir em frente. Claro que algumas atitudes dele não se justificam, mas creio que tudo que ocorre é uma forma dele também amadurecer, enxergar que nem sempre a vingança é o melhor caminho.



"Olhando para Angelina ao meu lado, com um espelho na mão, a boca aberta e torta, e a língua meio de fora enquanto meticulosamente passa rímel nos olhos, vejo que fracassei totalmente nos meus planos de ódio."

Angelina é uma mulher independente, que ama o que faz, mas que se deixa muito ser manipulado e foi muito bom ver a reviravolta dela, sua transformação, o seu desabrochar. Ela, em vários momentos, demonstrou ser muito mais do que jóias e roupas de grife, que dentro dela havia muito mais, que tudo não passava de uma armadura que ela usava para enfrentar seus dias.


"Não sei se ele sentiu o mesmo, mas eu estou completamente reapaixonada por ele. E talvez, se reapaixonar seja igual ou mais gostoso do que se apaixonar a primeira vez."

O enredo é bem fluido, leve, divertido, com um pouco de drama e suspense. O clímax da obra foi muito bem escrito, o que alancou ainda mais a história desenvolvida. A autora, na verdade, ela não é previsível. Há vários picos na narrativas em que o leitor se depara com algum momento surpreendentes, de tirar o fôlego e fazem esse livro ser incrível.


Recomendo a leitura desta obra para aqueles leitores que gostam de ser surpreendidos com algo novo durante a história, sem deixar nenhum ponto solto, deixando todas as peças perfeitamente encaixadas.


Então, preparem as luvas, poque a luta entre Lorenzo e Angelina será bem tensa. It´s time!


1. Amazon

1 comentários :