Resenha: A Câmara Secreta (Harry Potter #02) - J K. Rowling

Título: Harry Potter e a Câmara Secreta (HP #02)
Autor (a): J. K. Rowling
Editora: Rocco

Gênero: Fantasia/Infantojuvenil
Número de Páginas: 252
Edição: 2015

Sinopse: "Este diário guarda memórias de coisas terríveis. Coisas que foram abafadas. Coisas que aconteceram na Escola de magia e Bruxaria de Hogwarts." - Tom Servoleo Riddle 

O segundo ano de Harry na escola de Hogwarts está cheio de novos perigos e horrores, incluindo um professor completamente metido chamado Gilderoy Lockhart, o espírito de uma garota chamada Murta que Geme, que assombra o banheiro das meninas, e a embaraçosa atenção da irmãzinha caçula de Rony, Gina.
Mas tudo parece pequeno quando um problema de verdade aparece e alguém - ou alguma coisa - começa a petrificar os aluno de Hogwarts. Será que foi Draco Malfoy, que anda ainda mais venenoso que o normal? Será que foi Hagrid, cujo passado misterioso começa a vir a tona? Talvez tenha sido o suspeito número um que toda a escola... o próprio Harry Potter!

No livro, A Câmara Secreta, o jovem Harry Potter aguarda ansioso pelo seu segundo ano na escola de magia de Hogwarts, tendo que aturar até lá a convivência com seus parentes trouxas. Os tios Dursleys e o primo Duda continuam a menosprezá-lo por ele ser um bruxo.

Certo dia, às vésperas de seu retorno à escola de magia, o garoto de raio na testa recebe uma inesperada visita do elfo Dobby, uma criaturinha aparentemente frágil, bastante amedrontada cujo traje é uma velha fronha. O elfo insiste aflito para Harry não voltar para Hogwarts, alertando que coisas terríveis estavam sendo tramadas contra ele e que, por isso, deveria ficar e evitar o perigo. Harry, contudo, ignora o alerta do elfo e se prepara para mais um ano na escola de bruxos indo às compras de seu material escolar no Beco Diagonal.



Já de posse dos materiais da livraria, o segundo passo seria tomar o Expresso de Hogwarts, mas para isso teria que chegar na plataforma Nove e Meia. Entretanto, algo sai errado fazendo com que nem Harry  e seu fiel amigo Rony Weasley consigam atravessar a barreira mágica para a plataforma e, desta forma, acabam não embarcando no expresso juntamente com os demais. Eles pensam rápido numa outra alternativa e arranjam logo uma saída, viajando no carro enfeitiçado de Sr. Weasley, o pai de Rony, enfrentando uma desastrosa aterrissagem numa árvore não muito amistosa, o Salgueiro Lutador.

A atitude imprudente dos dois alunos ao voarem num carro avistado por trouxas quase lhes rendeu a expulsão e ambos tiveram que receber uma punição, sendo advertidos pelo diretor Dumbledore pela gravidade do que fizeram.

"Nunca confie em nada que é capaz de pensar."

Após aquele episódio com os meninos, o início do ano escolar em Hogwarts parecia ocorrer normalmente para as quatro casas: Grifinória, Sonserina, Corvinal e Lufa-Lufa, até que a Câmara Secreta é reaberta e  os alunos são misteriosamente encontrados petrificados. O terror voltou à escola após décadas. Somente o herdeiro de Slytherin seria capaz de abrir a Câmara Secreta, libertar o horror que nela habitava e usá-lo para fazer mal aos não dignos de estudar magia, os nascidos trouxas, os sangues-ruins. 


"Você vai descobrir que só terei de ter deixado a escola quando ninguém mais aqui for leal a mim. Você também vai descobrir que Hogwarts sempre ajudará aqueles que a ela correrem."


A partir daí, coisas sombrias passam a acontecer em Hogwarts: Harry começa a ouvir vozes que só ele consegue captar, um enigmático diário mágico que pertenceu a um antigo aluno surge de repente fazendo revelações ao jovem Potter e o gigante Hagrid torna-se o principal suspeito pelos crimes do monstro da câmara, fazendo vir à tona um passado obscuro.


"Se alguém quiser descobrir alguma coisa, é só seguir as aranhas. Elas indicariam o caminho certo! É só o que digo."

Será que o bondoso Hagrid é realmente o responsável por tudo aquilo? Draco Malfoy, o aluno que mais odiava os sangues-ruins, teria algum envolvimento nessa trama? Essas e outras respostas estarão nas profundezas da Câmara Secreta.


Nunca irei me cansar de falar o quanto essa série foi e continua sendo importante na minha vida de leitor. E mais uma vez pude reler esse livro que é de longe um dos meus favoritos, principalmente pelo toque de mistério que a trama apresenta, além dos personagens secundários que ganham maior destaque nesse volume.


"Não são nossas atitudes que mostram quem realmente somos; são nossas escolhas."


A escrita da J. K. Rowling evoluiu bastante se comparado com o primeiro livro, novos personagens são adicionados a história e novamente volto a frisar que, ao término da leitura, a sensação foi de total nostalgia e emoção por estar novamente imerso nesse universo que sempre me fascina e encanta. Recomendo infinitamente a leitura não só desse livro, mas da saga inteira.

Próximo livro:



1. Amazon
2. Saraiva

1 comentários :

  1. Olá!

    Eu amo os livros da J.K e admiro muito todo esse mundo que ela criou. A Câmara Secreta é um dos meus livros preferidos da saga!

    Beijos,
    Isa
    Viciadas em Livros
    Participe do Amigo Secreto Literário do Viciadas em Livros

    ResponderExcluir