Resenha: Fazendo Meu Filme 2 (Fani Na Terra da Rainha) - Paula Pimenta

Título: Fazendo Meu Filme 2 (Fani Na Terra da Rainha)
Autora: Paula Pimenta
Edição: 2009
Nº de Páginas: 328
Editora: Gutenberg

Sinopse: Depois de conquistar milhares de leitores e leitoras, a nossa doce e querida Fani volta ainda mais divertida e encantadora. O segundo volume do livro Fazendo meu filme apresenta as aventuras de Estefânia Castelino Belluz na terra da rainha. Sim, na Inglaterra! Longe do grande amor, ela passa por momentos de alegria, dor, saudade, tristeza e, mais do que isso, pode conhecer melhor a si mesma. Sem deixar de lado suas amigas inseparáveis e sua família, ela consegue, no outro continente, viver momentos cheios de suspense, revelações, aventuras, descobertas e emoções fortíssimas! Feliz, triste, preocupada, ansiosa, temerosa, otimista, insegura, cheia de si, apaixonada, desiludida, seja como estiver, Fani mostra a cada página deste livro que não é mais aquela menina tão frágil que muitas vezes se escondia por trás de sua timidez. Mais do que a história de uma adolescente que se encoraja a fazer intercâmbio e morar fora por um ano, este livro fala de um grande e delicado amor. Em meio a uma avalanche de sentimentos e acontecimentos surpreendentes, ela consegue viver intensamente na Inglaterra, conhecendo pessoas que conquistam seu coração e sua amizade para toda a vida. Porém, o melhor filme de sua vida ainda está para ser contado, ou melhor, vivido.

**Atenção, esta resenha contém spoilers de Fazendo Meu Filme 1.

Fazendo Meu Filme 2 (Fani Na Terra da Rainha) é o segundo livro da série de maior sucesso da autora nacional Paula Pimenta que é composta por quatro livros, todos eles já publicados no Brasil.



Depois de finalmente ter se acertado com o Leo, nossa protagonista Fani vai parar na terra da Rainha com o coração apertado e a promessa de que eles superariam a distância e ficariam juntos quando ela retornasse ao Brasil. Enquanto isso, a recepção em Brighton não poderia ter sido melhor, visto que sua família inglesa era incrível e a tratam como uma filha, mas as coisas não serão tão fáceis como ela imaginou. E em meio a todas essas confusões e maus entendidos no seu relacionamento com o Leonardo, Fani conhece Christian, um brasileiro que mora na Inglaterra há muitos anos e que logo de cara se encanta por ela, fazendo de tudo para conquistá-la. Será que ele vai conseguir? Ou será que o Leo é mesmo o grande amor da vida de Fani? No decorrer da trama ainda podemos acompanhar o surgimento de duas novas amizades na vida da nossa Fani: Tracy, sua "irmã" inglesa, e Ana Elisa, uma brasileira que também mora em Brighton e é sua colega de classe.

"Sinceramente, eu não sei se já estou preparada para me envolver com outra pessoa, mas acho que, se eu não tentar, eu nunca vou saber. O que eu tenho certeza é que não gostei de você ter ido embora da peça sem falar comigo. E que senti sua falta no aniversário da Tracy. E que agora a pouco fiquei com ciúmes por te ver com as minhas colegas. E que só de imaginar que ia te encontrar, hoje mais cedo, me senti feliz por perceber o meu coração disparado, ao constatar que ele ainda está vivo."

A escrita da Paula Pimenta continua muito fluida. A gente lê e nem percebe. A autora vai narrando tudo sem pressa, com riqueza de detalhes e um extremo envolvimento emocional. Os capítulos continuam iniciados por trechos de filmes que têm a ver com o próprio conteúdo daquele capítulo. E achei muito interessante a forma que a autora nos manteve por dentro da vida dos personagens que ficaram no Brasil através dos vários emails que a protagonista troca com seus amigos enquanto está residindo em Brighton.

"Eu me sinto diferente. Deixei de querer me esconder atrás da minha mãe a cada vez que uma situação exige que eu tome uma decisão, aprendi a entender melhor os meus sentimentos e agora eu sei que o medo nunca deve nos impedir de tentar o que quer que seja. A coragem sempre é recompensada. E quanto maior é a ousadia, melhor é a realização."

A obra soube captar perfeitamente essa fase turbulenta da vida, que todos nós já vivemos ou viveremos, de forma que os livros são fáceis de agradar qualquer faixa etária. É uma história tão simples, tão cotidiana da vida de qualquer um e, ainda assim, consegue nos surpreender e emocionar. Recomendado para todos os adolescentes de hoje e de ontem, para os que querem recordar sua adolescência e para os que se esqueceram de como eram quando estavam nessa fase.

Sobre a série:




1. Saraiva
2. Amazon

0 comentários :

Postar um comentário