Resenha: Paixão Voraz - Valentina K. Michael

Título: Paixão Voraz
Autora: Valentina K. Michael
Edição: 2018
Nº de Páginas: 495 
Editora: independente

Sinopse: Samantha deixou no passado ressentimentos causados por Vicente. Agora, eles cresceram, e, ela está de volta àquela cidade onde morou e na qual, o atual e badalado Governador, Vicente Lins, mora. Ela uma promissora empresária, dona de uma das revistas mais famosas da atualidade e que tem uma missão: entrevistar o novo Governador. Revê-lo, nunca esteve nos seus planos. E para não ser reconhecida, Sam vai criar estratégias. 

Vicente odeia a mídia sensacionalista, mas aceita dar entrevista a uma revista famosa; sua única exigência: que seja feita pela jornalista que é dona da revista. O que ele não esperava era encontrar uma jovem estonteante, elegante e bem decidida. Parecia uma pedra impenetrável; gélida e esnobe, e ele estava intrigado querendo saber por que aquela linda mulher desconhecida o tratava com tanto desprezo e repúdio sendo que nem se conheciam.

*ESTE LIVRO É ÚNICO. 

Samantha era apenas uma adolescente quando conheceu aquele por quem acreditou ser o grande amor da sua vida. No entanto, após se entregar de corpo e alma a ele, este não só esmagou seu coração, como também todos os seus sonhos e anseios com relação ao amor. E agora ele está de volta, ainda mais lindo do que ele se lembrava e pronto para conquistá-la. O único detalhe é que ele não se lembra mais dela, embora sempre que a olhe surja em sua mente a imagem da única garota que amou, mas que o enganou.



Vicente Lins além de lindo, é o novo Governador de Brasília, um sonho que conseguira realizar com muita luta e planejamento. O problema, entretanto, está na mídia que adora falar de sua vida e dos seus relacionamentos. E embora não goste nenhum pouco dos abutres da mídia, resolve conceder uma entrevista a uma famosa revista de São Paulo, principalmente ao saber por um dos seus amigos como é a dona da revista, uma mulher linda e estonteante, mas que não passa de uma esnobe, a rainha do gelo, da indiferença. 

E tudo estava indo muito bem (ou era assim que ela achava), até Samantha ficar ciente que a entrevista com o Governador somente ocorrerá se ela aceitar sua exigência, que é ser entrevistado por ela. Apavorada e com medo dele a reconhecer, ela resolve levar seu irmão  mais novo Newton para que este finja ser seu noivo. O único problema é que Newton não tem papas na língua e vive soltando indiretas para Vicente.

Já Vicente, mesmo achando estranho o "relacionamento" entre Samantha e o noivo, decide mesmo assim investir pesado nela e conquistá-la. E cada vez que eles estão sozinhos, mesmo ele não se lembrando dela, algo muito íntimo surge entre eles, algo tão forte e bom que se torna difícil para Sam resistir as investidas do Governador.

"Vicente já estava governando meu coração antes mesmo de eu pensar em fugir."

A obra que é narrada tanto por Samantha quanto por Vicente, e até algumas partes por Newton, ainda que pequenas e tem como espaços a cidade de São Paulo e Brasília.

Sam é uma mulher forte, independente, mas que tem medo do amor por tudo que passou na adolescência, afinal, não foi apenas a perda de um amor, da sua pureza, mas tudo o que sucedeu depois. É que Samantha irá sofrer de uma forma, que deixará marcas profundas em seu ser a ponto dela ter que fazer terapia para superar tudo. E embora a terapia a ajude, ela não conseguirá apagar o passado, ou mesmo tentar se fazer seus algozes a pedirem perdão.

“Nenhum homem me fez sentir tudo o que você me faz.”

Vicente, por sua vez, é um homem totalmente diferente da sua família que gosta de controlá-lo, principalmente sua irmã. E embora ele não permita isso, ela sempre tentará se unindo com os pais e uma antiga namorada de Vicente. Mas, Vicente como o líder que é, que não aceita receber ordens ou mesmo ser manipulado, buscará colocar sua irmã e família em seu lugar.

E juntos, Sam e Vicente terão que aprender não a só se perdoarem, mas também as se redescobrirem como casal, e a enfrentar todos os problemas que o envolvimento deles fará surgir. E esse crescimento deles foi muito lindo, divertido e emocionante de acompanhar. Vicente mostrará um outro lado dele que surpreenderá até mesmo o leitor. 


“Vicente colocou um dedo nos meus lábios.
- Eu disse, porque estou preparado, se ainda não estiver para retribuir, sou bem paciente até ouvir você dizer que também me ama.”



E o que falar de Newton? Gente, eu nunca rir tanto com um personagem secundário. Sabe aquele irmão pirralho, chato, perturbado, que te tira do sério com uma facilidade incrível? Esse é José Newton. O cara só pensa em comida, parece que tem um buraco negro no lugar do estômago da pessoa. O barraco está pegando fogo e ele está a procura de comida. E quando não é isso, ele está provocando de um lado Vicente e do outro Samantha.


Ah, e claro, eu queria dar uns bons tapas na irmã de Vicente, principalmente pela Sam ter sindo amiga dela e ela por infantilidade e ciúme ter jogado essa amizade no lixo, e ainda querer se sair como a vítima da história.

A paixão entre Sam e Vicente, como o próprio título diz, é voraz, algo tão arrebatador, que não tem como o leitor não se ver encantado, fascinado pela obra, seus personagens.

O enredo é muito divertido e se está em dúvida em quem votar, nós temos o candidato perfeito: Vicente Lins. Venha conhecer os seus planos de governo!

1. Amazon

2 comentários :

  1. Oba. ♥️♥️♥️ Linda resenha, amei cada palavra. Obrigada 😍

    ResponderExcluir
  2. Melhor...impossivel!!! Pra quem não conhece, um conselho: venha se divertir e se apaixonar com esse casal lindo!!!

    ResponderExcluir